Atenção

O Blog da ABOMPEL é um espaço para ser utilizado de forma consciente, responsável e democrática.

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Até a igreja Católica tá com naúseas (impressionante!)

Pior que está poderá ficar? Sim já está ficando. A partir da votação que aumentou os subsidios dos parlamentares da Capital Federal, Brasília, na última semana, ocorre agora uma cascata  de aumentos salariais que atingirão os mais de 5500 municípios do Brazil. É com z, estranho, não é mesmo? É que esses salários são para os padrões externos e ai fica mais interessante (chique) grafarmos o nome do nosso país de forma alienígena. Mas indignações à parte, trazemos uma fresquinha de um bispo da Santa Madre Iglesia católica, com a homenagem que lhe fora reservada pelos adúlteros do planalto. Segue abaixo, boa leitura e lembre-se foi VOCÊ que ajudou eles há 4 anos e foi você quem os escolheu para os próximos. 

Bispo se recusa a receber homenagem do desmoralizado Congresso nacional

Por Jorge Roriz Dom Emanuel Edmilson da Cruz,  Bispo da cidade de Limoeiro no  Ceará, recusou receber uma homenagem do Senado Federal, (uma comenda), em protesto contra o aumento dos parlamentares. “A comenda hoje outorgada não representa a pessoa do cearense maior que foi Dom Helder Câmara. Não representa. Desfigura-a, porém. Sem ressentimentos e agindo por amor e por respeito a todos os senhores e senhoras, pelos quais oro todos os dias, só me resta uma atitude: recusá-la. Ela é um atentado, uma afronta ao povo brasileiro, ao cidadão, à cidadã contribuinte para o bem de todos, com o suor de seu rosto e a dignidade de seu trabalho”, afirmou, Dom Emanoel. A homenagem não aceita pelo bispo é a Comenda dos Direitos Humanos Dom Helder Câmara, um dos maiores atuantes na luta pelos direitos humanos durante o regime militar. Com certeza, a atitude do bispo não foi apenas pelo absurdo aumento dos parlamentares e sim pela falta de moralidade de grande parte dos políticos brasileiros.
Jorge Roriz
           

Um comentário:

  1. E o pior que eles ainda acham que estão certos!

    ResponderExcluir